Portal atualizado em: 13 de junho de 2024 às 22:31h

Areia Branca vai ganhar primeira cidadela infantil educativa e recreativa do Rio Grande do Norte

Início Areia Branca vai ganhar primeira cidadela infantil educativa e recreativa do Rio Grande do Norte

Areia Branca vai ganhar primeira cidadela infantil educativa e recreativa do Rio Grande do Norte

Diretoria Executiva de Eventos

Autor: Leane Fonseca

Areia Branca vai ganhar primeira cidadela infantil educativa e recreativa do Rio Grande do Norte

A Cidade Maritacaca é um ambiente realista para crianças de 03 a 12 anos que vão brincar de ser gente grande e será inaugurada neste domingo, 17 de dezembro Imagine uma cidade construída especialmente para as crianças onde elas podem brincar de ser gente grande, com direitos e deveres a serem respeitados assim como na […]

15/12/2023 10h50 Atualizado há 3 semanas atrás

A Cidade Maritacaca é um ambiente realista para crianças de 03 a 12 anos que vão brincar de ser gente grande e será inaugurada neste domingo, 17 de dezembro

Imagine uma cidade construída especialmente para as crianças onde elas podem brincar de ser gente grande, com direitos e deveres a serem respeitados assim como na vida adulta dos seus pais. O município de Areia Branca, localizado na Região Costa, distante cerca de 280 km da capital Natal, vai inaugurar neste domingo, 17 de dezembro, a Cidade Maritacaca, um projeto inovador no Rio Grande do Norte que tem como principal objetivo divertir e, ao mesmo tempo, educar as crianças do município e cidades vizinhas trabalhando cidadania, educação financeira entre outros aprendizados.

A Cidade Maritacaca possui 1.380m² de extensão com 14 imóveis que vão desde Posto de Combustível na entrada da cidadela, passando por duas residências, até o centro que conta com agência bancária, biblioteca, supermercado, pet shop, escola, restaurante, salão de beleza, sede da Prefeitura, Câmara Municipal, Guarda Municipal e o Fórum de Justiça.

Será a primeira cidadela infantil do Rio Grande do Norte com o objetivo de recreação e também de educação. Seguindo o modelo da KidZania, em Lisboa, Portugal, a Cidade Maritacaca tem as construções na escala das crianças que podem brincar em um ambiente realista desenhado para serem, simultaneamente, divertido e pedagógico. Para tanto, 14 monitoras se prepararam durante cerca de dois meses de capacitação para receber as crianças, com idade de três a 12 anos, que terão o acesso à cidade sem a presença dos pais, que vão poder acompanhar do lado externo todos os passos dos seus filhos. O espaço será monitorado por câmaras de segurança e vigiados pela Guarda Civil Municipal.

A moeda oficial será a Maritacaca e, na entrada, cada criança vai receber 16 Mariticacas para que possam iniciar as atividades de comércio e administração, podendo ganhar mais dinheiro, ou gastar tudo, a depender de como cuidará da sua reserva financeira. A cidade terá também movimentação de carros e os motoristas devem respeitar as leis de trânsito.

Eu acredito nesse projeto verdadeiramente, tenho certeza que será um sucesso, não somente pelo espaço que está muito lindo e encantador, organizado com muito carinho, mas devido as temáticas que vamos trabalhar durante todo o ano, agora temos o Natal, depois teremos colônia de férias, e virá Carnaval, Páscoa, festas juninas, entre outras atividades que vamos trabalhando com as crianças, sem deixar de criar cidadania, como deve funcionar uma cidade de forma correta, os vereadores mirins vão votar as regras da cidade e o prefeito vai sancionar as leis, as crianças terão a oportunidade de viver isso, e como nós somos o que vivemos quando criança, vão crescer adultos conscientes e mais preparados para uma vida de responsabilidade. Nossas crianças serão as protagonistas da Cidade Maritacaca”, informou com bastante entusiamo a idealizadora do projeto, e prefeita de Areia Branca, Iraneide Rebouças.

A Cidade Maritacaca fica na Praça Luiz Batista, no centro de Areia Branca, que foi recentemente reformada recebendo um playground grande de madeira que passou a ser tornar um ponto de encontro das crianças, mesmo antes da inauguração da cidadela que vai acontecer neste domingo, 17, a partir das 17 horas, com a apresentação do espetáculo “No reino das Areias Brancas” encenado pelos alunos da Escola de Artes de Areia Branca, que está no seu primeiro ano de funcionamento,e terá também a presença do Papai Noel e distribuição de pipocas, balas e algodão doce.

Funcionamento

Após a inauguração, a Cidade Maritaca permanecerá de portas abertas para visitação pública durante todo o mês de dezembro. Já a partir de meados de janeiro iniciam as atividades educativas de quinta-feira a domingo, no horário das 17 às 21 horas. De quinta a sábado é necessário o acesso via passaporte agendado previamente na Diretoria Executiva de Eventos como forma de garantir o número de 100 crianças por dia, assim como evitar filas e tumultos. Já no domingo o acesso é livre para todas as idades sem passaporte, e sem agendamento prévio, pois as atividades serão desenvolvidas de forma mais abrangente. 

Entre as regras da Cidade Maritacaca, as crianças devem cuidar dos brinquedos, manter a cidade limpa e colocar o lixo nos locais corretos.

Origem do nome “Maritacaca”

O primeiro nome dado a Areia Branca foi Ilha da Maritacaca, antes mesmo de Ilha das Areias Brancas. Em 1867, quando o governo da Província transferiu de Jurema para a Ilha, por conveniências administrativas, a ilha era praticamente deserta. Existia apenas mata e com dois ou três ranchos de pescadores e muitas maritacacas que são animais, do tipo gambá, que habita as matas, mangues, e as restingas que integram o rio, o mar, dunas e lagoas do litoral à caatinga como é característica do semiárido local.

O símbolo do primeiro nome de Areia Branca ganhou um mascote, o Cacá que estará brincando com as crianças em sua terrinha.

 


Preferência de Cookies

Usamos cookies e tecnologias semelhantes que são necessárias para operar o site. Você pode consentir com o nosso uso de cookies clicando em "Aceitar" ou gerenciar suas preferências clicando em “Minhas opções”. Para obter mais informações sobre os tipos de cookies, como utilizamos e quais dados são coletados, leia nossa Política de Privacidade.